Humildade: Verdadeira Grandeza

por C.J Mahaney

Por C.J. Mahaney

A ambição que temos a respeito de nossos filhos

Se você é pai ou mãe, peço-lhe que considere cuidadosamente a influência que tem sobre seus filhos e a sua responsabilidade para com eles. Que ambições você tem a respeito deles? Quase todos os pais têm este sentimento, entretanto, quantos nutrem ambições bíblicas para seus filhos?

As suas ambições para seu filho ou sua filha incluem uma certa vocação ou determinado nível de educação? Uma graduação numa determinada faculdade? Reconhecimento profissional, atlético ou artístico? Se este é o caso, permita-me fazer a seguinte indagação: Alguma destas ambições está de acordo com a verdadeira grandeza da forma como ela é definida nas Escrituras?

E uma pergunta ainda mais importante: Na sua opinião, algumas das coisas que você deseja para seus filhos é mais importante do que o cultivo deles da humildade e do serviço aos outros – a base da verdadeira grandeza, conforme é descrita na Bíblia? Algumas de suas ambições para eles é mais importante para você do que eles aprenderem a servir aos outros para a glória de Deus? Em outras palavras, você está mais interessado em reconhecimento temporal para seu filho do que na recompensa eterna que ele pode ter?

No fim das contas, ser pai ou mãe, na maior parte do tempo é isto – é preparar os filhos para o dia final. Ser pai ou mãe é uma preparação para aquele dia, quando seu filho estará diante do tribunal de Cristo e prestará contas.

Sendo um exemplo para nossos filhos

Sendo um pai que também é um colega pecador, deixe-me explorar com você o que significa aceitar a verdadeira grandeza como nossa ambição para nossos filhos. Para ajudar seu filho a se tornar verdadeiramente grande aos olhos de Deus, eis algumas recomendações – não é uma lista completa, mas espero que seja útil para você.

Em primeiro lugar, os pais devem ser um exemplo de grandeza para seus filhos. O exemplo precede o ensino. Não podemos ensinar ou treinar nossos filhos sem oferecer um padrão, ou um modelo para eles seguirem. Não estou dizendo que devemos ser infalíveis, não se trata de perfeição. Estou falando simplesmente da presença da graça em nossa vida, demonstrada regularmente através do serviço aos outros para a glória de Deus.

De fato, o ensino eficiente envolve explicar aos nossos filhos aquilo que eles já observam em nossa vida. Nunca devemos separar a instrução bíblica do exemplo pessoal.

Se você quer adotar esta ambição para seus filhos – a verdadeira grandeza aos olhos de Deus – é preciso começar pelo exame de sua própria vida e perguntar a si mesmo: Para meus filhos, sou um exemplo da verdadeira grandeza, conforme ela é definida nas Escrituras?

Definindo a verdadeira grandeza para nossos filhos

Em segundo lugar, também devemos definir a verdadeira grandeza para nossos filhos de forma clara. Os seus filhos entendem a definição bíblica da verdadeira grandeza como Jesus explica em Marcos 10, e do modo como a vemos ser ensinada em outras passagens das Escrituras?

Um exercício que merece a nossa dedicação é o seguinte: Peça que seus filhos lhe digam o que significa a verdadeira grandeza. Nesta interação com eles você descobrirá se eles têm um entendimento bíblico da grandeza, e se não tiverem, você precisa defini-la para eles. Precisa ensinar-lhes que a grandeza não equivale ao sucesso, ao talento, à habilidade, ao poder ou ao aplauso. Ela equivale a servir aos outros. Isto é sinônimo de humildade.

Algo mais para pensar: Como o seu filho ou a sua filha responderiam se outro adulto lhes perguntasse: “Quem seus pais admiram mais e por quê?” Se não estiver certo da resposta, faça você mesmo a pergunta.

Ensinando nossos filhos a admirar a verdadeira grandeza

Em terceiro lugar, devemos ensinar nossos filhos a discernir e admirar a verdadeira grandeza. Veja outra pergunta para nossos filhos: “Quem vocês admiram e por quê?” A resposta deles dirá muito.

Nossa cultura celebra todos os dias aqueles que claramente não são grandes aos olhos de Deus. E até certo ponto, nossos filhos não escapam da influência do mundo. Entretanto, eles possuem habilidade para enxergar através desta propaganda enganosa? São capazes de desvia sua atenção destes falsos heróis e admirar aqueles que são verdadeiramente grandes, segundo a definição bíblica?

Eu poderia indicar de várias maneiras de nossa cultura bajular e glorificar os que não merecem – especialmente na ampla categoria do entretenimento que inclui atores, atletas e músicos profissionais. No que se refere à admiração e ao desejo de se igualarem a estas celebridades, os seus filhos estão sendo, sutil e lentamente, conformados a este mundo?

Recomendo que você não elogie qualquer coisa com mais intensidade do que elogia o caráter piedoso de seu filho. Aconselho e encorajo meu filho a buscar realizações acadêmicas e prêmios atléticos. Porém, nos alegramos com real celebração, em nossa casa, somente quando há uma demonstração de humildade, de caráter piedoso, ou quando ele serve aos outros.

O que deixa você mais empolgado a respeito de seus filhos? O que você elogia neles? Quando você os elogia publicamente? Certifiquemo-nos de que nossos elogios sejam fundamentados na teologia bíblica. Certifiquemo-nos de que estamos enfatizando o que realmente importa aos olhos de Deus. Certifiquemo-nos de que reservamos o verdadeiro louvor àquilo que é grande aos olhos de Deus.

Trecho do livro Humildade – Verdadeira Grandeza, de C.J. Mahaney

Agradecemos à Editora Fiel pela permissão de reprodução de alguns trechos de seus livros.

Tags: , , , ,

Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.