Retrospectiva 2011: melhores livros

por Equipe iPródigo

Agradecemos a Deus pelo ano cheio de bênçãos que foi 2011. E agradecemos também a você que nos visita e colabora com suas dicas, sugestões e puxões de orelha. Como é comum nessa época, é hora de olhar um pouco para trás e revermos as coisas importantes no ano que passou. Muita gente decide ler mais quando o ano começa (ainda mais com essa promoção excelente – ainda dá pra participar!) e esperamos que as dicas de leitura ajudem.

Que o Senhor te guarde e te abençoe nesse novo ano. E que possamos ser úteis nessa obra maravilhosa da graça.

Em Cristo,

Equipe iPródigo

Nossos livros preferidos

Para a lista não ficar muito grande, pedimos para alguns membros da Equipe (e um convidado especial) escreverem 2 ou 3 livros que lhe agradaram em 2011 (mas o convidado especial mandou 4…). Aqui vai o que cada um respondeu.

Filipe Schulz

O Discípulo Radical John Stott Ultimato compre aqui

Em uma curta lista de características básicas (daí o radical, de raiz) dos discípulos de Jesus, John Stott nos mostra o que deveria ser comum a todos aqueles que seguem o Senhor. Livro curto, mas muito profundo. Foi o último escrito de Stott, que faleceu nesse ano de 2011 e, curiosamente, o último capítulo fala sobre como o verdadeiro discípulo de Cristo encara o sofrimento e a morte. Ao ir para a glória após tantos anos de serviço fiel ao Senhor, John Stott nos mostrou na prática aquilo que acreditava e escrevia.

 Adopted for Life Russell Moore Crossway Books (em breve em português pela Monergismo) compre aqui

Quando dizia estar escrevendo um livro sobre adoção, muitos questionavam Moore se era “a doutrina” ou “a prática da vida real”. Atualmente, poucos escritores conseguem, como Russell Moore, fazer exatamente o que ele fez nesse livro: relacionar profundas doutrinas com as práticas mais comuns do nosso dia a dia. Através da história de como ele mesmo adotou dois bebês na Rússia, vemos como a doutrina da adoção à família de Deus, por meio do nosso irmão mais velho, Jesus Cristo, muda completamente a forma como deveríamos enxergar nossa vida, nossa comunidade na igreja, nossa família e, obviamente, a prática da adoção.

 King’s Cross Tim Keller Dutton compre aqui

Antes de mais nada, é possível falar desse livro que sempre se fala de todos os lançamentos de Tim Keller: é o melhor livro do autor até agora. Não por algum tipo de preferência desmedida, mas porque, a cada publicação, fica mais difícil largar o livro enquanto antes de seu final. Sobre King’s Cross, Keller faz uma espécie de biografia de Jesus, a partir do evangelho de Marcos, dividida em duas partes: a missão de Jesus, o propósito para o qual ele veio – a Cruz – e quem ele realmente era – o Rei. E como o subtítulo do livro  (A história do mundo na vida de Jesus) também indica, vemos um relato da história da humanidade: Criação, Queda, e a nossa redenção e reconciliação com Deus a partir do sacrifício do Rei na cruz.

Fe Vilela

 A História dos Poderosos Feitos de Deus – C. H. Spurgeon – PES compre aqui

É um pequeno livro, de aproximadamente 30 páginas, que relata um ótimo e envolvente sermão pregado por Charles Spurgeon em 1859. No sermão, ele ressalta o fato de que a maioria dos cristãos se esquece que Deus foi o mesmo ontem, o é hoje e o será amanhã. Eles não se lembram dos poderosos feitos de Deus relatados na Bíblia e ao longo da história e vivem não crendo plenamente no poder de Deus. Além disso, Spurgeon destaca a importância da oração na vida cristã.

O Conhecimento das Escrituras: Passos para um estudo bíblico sério e eficaz – R. C. Sproul – Cultura Cristã compre aqui

É um livro fácil e prazeroso de ler. Sproul relembra aos cristãos a importância gigantesca do conhecimento bíblico na vida deles, que, para ser obtido, requer um estudo diligente e sério das Escrituras, não só por meio da própria bíblia, mas também através de livros e pregações de bons teólogos. O autor ensina regras básicas que facilitam o estudo bíblico, por exemplo, regras de hermenêutica. Sproul também deixa claro seu profundo amor e reverência pela Palavra de Deus, e incentiva os leitores a terem os mesmos sentimentos.

Pedro Vilela

 By Grace Alone  – Sinclair Ferguson – Reformation Trust compre aqui

Ferguson analisa um hino do pastor africano Emmanuel Sibomana, O How the Grace of God Amazes Me. Esse hino começa refletindo como a graça de Deus nos liberta da escravidão espiritual, depois nos encoraja a cantar a nossa adoção à família de Deus, passando pelo coração e raiz do evangelho. Depois ele foca nos testes e julgamentos da vida Cristã, foca nos dardos inflamados do Maligno e na habilidade de Satanás de produzir pensamentos ameaçadores na mente do Cristão, reforçando a segurança de que nada poderá nos separar do amor de Cristo, fato que nos leva a chamar a graça de surpreendente e incrível. Ao final o autor trabalha o fim da nossa escravidão do pecado por meio da graça que Paulo nos mostra em Romanos 6.

Em busca de Deus  – John Piper – Shedd Publicações compre aqui

 John Piper começa o livro fazendo uma análise sobre a primeira pergunta do Breve Catecismo de Westminster, buscando mostrar que a alegria em Deus deve ser a maior motivação do cristão. Diante desse tema da alegria em Deus, ele vai passando por vários temas como adoração, amor, Bíblia, oração, dinheiro, casamento e missões, todos relacionados com o prazer cristão.

Daniel  TC

Just Do Something – Kevin DeYoung – Moody Publishers compre aqui

Quase todo crente passa por isso: como saber o que Deus quer? Alguns, como eu, ficam paralisados diante da questão “mas e se Deus quiser algo diferente disso?” e, em uma preguiça disfarçada de santidade, acabam não fazendo escolhas importantes, deixando para o acaso (ou a moeda, ou a chuva, ou o versículo aleatório) decidir. Kevin deYoung, em linguagem acessível (não precisa ser muito bom em inglês pra entender esse livro, nem precisa ter muito conhecimento de teologia) nos mostra que Deus quer que conheçamos sua Palavra e seu caráter e, partindo daí, façamos escolhas conscientes para a glória de Deus. Sem dúvida, foi o livro mais importante e mais prático que li em 2011.

Alex Daher

Poder através da Oração – E. M. Bounds – Editora Batista Regular compre aqui

Não conheço nenhum cristão que acha que deveria orar menos. Também não conheço nenhum que considere a oração algo secundário. Portanto, se você, assim como eu, quer ajuda para diminuir a distância entre a importância da oração na sua mente e sua vida prática de oração, creio que E.M. Bounds (1835-1913) pode ajudá-lo. Esse livro é uma poderosa exortação e fonte de ânimo de alguém que teve uma vida de oração (e escreveu oito livros sobre o tema). O estilo peculiar do autor faz do livro uma pregação diretamente aos nossos corações. Para endossar a recomendação, Stuart Olyott  (presente na Conferência Fiel deste ano) diz ler o livro uma vez por ano desde 1961! Depois que você tiver lido, entenderá por quê.

Humildade, verdadeira grandeza  – C. J. Mahaney – Editora Fiel – compre aqui

Citando Stott, C.J. Mahaney afirma que no desenvolvimento de nossa vida cristã “o orgulho é nosso pior inimigo e a humildade a maior amiga”. As Escrituras deixam claro que “Deus resiste aos soberbos, mas dá graça aos humildes” (Tg 4.6). O autor nos ajuda, então, a tirar um pouco da areia dos olhos para enxergarmos o orgulho em nossos corações, exortando-nos a buscarmos graça pela humildade. De forma prática e centrada no evangelho, Mahaney diferencia a verdadeira da falsa humildade, auxiliando-nos na luta diária que acontece no coração de cada um de nós. Ele me ajudou a perceber que sou bem mais orgulhoso do que eu imaginava, e que preciso de graça para cultivar a verdadeira grandeza.

Josaías Jr.

Why Johnny Can’t Sing Hymns – T. David Gordon – P & R Publishing compre aqui

Neste pequeno livro, o autor mostra como nosso cultos são moldados pelo que toca nas rádios, programas de TV e shows da cultura pop. Diferente de todos os outros livros sobre a questão tradicional x contemporâneo, Gordon apresenta um forte argumento em favor do uso dos hinos e músicas populares (que é diferente de música pop) no culto. Para ele, devemos evitar usar na igreja aquilo que o mercado entrega aos consumidores. A música no culto não pode fácil, previsível, descartável, pouco desafiadora (intelectual e moralmente). O pop celebraria a fama, a individualidade, o novo, o passageiro, o rotineiro, o sentimentalismo e o espetáculo – características que destoam da mensagem bíblica. Altamente recomendável para os responsáveis pela liturgia.

Lost in the Cosmos: The Last Self-Help Book – Walker Percy – Open Road compre aqui

Talvez o livro mais estranho dessa lista. Trata-se de uma paródia de livro de auto-ajuda em que o autor, um católico, critica o secularismo por meio daqueles testes de personalidade (tipo revista Capricho). Basicamente, o argumento do livro é que, como o homem mudou o centro do universo de Deus para si mesmo, ele agora é incapaz de entender a si mesmo (e se auto-ajudar), mesmo que entenda todo o Universo. Uma reflexão bem-humorada e apologética sobre os dias atuais, que pode te ajudar muito a entender como nossa cultura pensa e age por estar realmente perdida sem Deus.

Emilio Garofalo Neto

God with us   Scott Oliphint – Crossway –  compre aqui

Não terminei ainda este livro mas decidi incluí-lo assim mesmo. Trata-se de uma fabuloso livro ensinando acerca da doutrina do ser de Deus, acerca de como este Deus se relaciona com o mundo e muito mais. Scott Oliphint é um dos melhores teólogos do planeta e especialista em apologética e teologia sistemática. É o tipo de livro que estica a nossa mente, desafia nosso entendimento e nos faz cair de joelhos diante da majestade e grandeza do Deus triúno. Altamente recomendando, mesmo que você não entenda tudo!

Instrumentos nas mãos do Redentor – Paul Tripp – Nutra publicações  compre aqui

O livro de Tripp é muito, muito bom. Trata acerca de aconselhamento bíiblico, de maturidade espiritual, ensina com a igreja é um local para discipulado mútuo e correção. Tripp escreve fácil, utiliza histórias inteesantes e sempre tem profunda base bíblica no que diz. Essencial para líderes de igreja e para corrigir erros diversos em nossa visão acerca de cuidado do rebanho… e sempre cristocêntrico.

Preaching to a Post-everything world – Zack Eswine – Baker Books  compre aqui

Uma de minhas top 5 atividades favoritas é pregar. Sou um dos felizardos que podem dizer que amam seu ofício. Como pregador busco constantemente me aprimorar. Este livro me ajudou muito: na própria preparação de sermão, em fortalecer diferentes partes da pregação, em entender melhor meu rebanho e, principalmente, a não me deixar achar que já atingi um nível suficiente; o livro me fez querer pregar melhor e agradeço a Deus pelo desafio.

Fides Reformata – Periódico teológico – assine aqui

Pouca gente sabe, mas existe uma revista teológica de altíssimo nível sendo publicada semestralmente pelo Centro de Pós-Graduação Andrew Jumper em São Paulo. Neste ano passei muito tempo lendo e me deliciando com artigos desafiadores e em geral recompensadores! Artigos densos e interessantes sobre história da igreja, dificulades exegéticas, teologia filosófica, educação cristã, aconselhamento… Seleção primorosa de material, e tudo disponível de graça online! Pra quem quer a versão impressa, há a possibilidade de fazer assinatura.

 

E você? Que livro marcou o ano de 2011? Comente e deixe sua dica :)

Tags: , , , , , , ,

Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.