justiça social: Todos os posts

Uma breve comparação entre o cristianismo e as teologias marxistas

slide_391940_4775292_free

toda a história humana, para o marxista, é um conflito político entre oprimidos e opressores, e na teologia da libertação, que é derivada das teorias políticas do marxismo, Jesus é o campeão dos oprimidos que exige a derrubada dos opressores e a criação de um reino igualitarista aqui na terra. No marxismo, o reino pode se realizado aqui na terra via reeducação e uma reorganização fundamental a sociedade onde os opressores perdem suas vantagens e privilégios matérias ou voluntariamente ou pela força, e sua prosperidade e influência são redistribuídos de forma que, na teoria, todo mundo tem uma quantidade igual de riqueza e poder.

Leia mais »

Obrigação, mordomia e os pobres

Kevin DeYoung apresenta dois princípios que devem nortear a ajuda aos necessitados dos cristãos: proximidade e necessidade. Saiba como tomar decisões sábias a respeito desse assunto.

Leia mais »

Evangelho ou justiça?

É comum vermos algum desequilíbrio em nossas igrejas, ao lidarmos com questões de evangelismo e justiça social. Um breve comentário sobre como tratar desse assunto, por Russell Moore.

Leia mais »

Dia do Senhor, dia inútil?

O quarto mandamento, sobre o Dia do Senhor, tem alguma coisa a ver com os cristãos de hoje? Veja algumas implicações do dia do descanso na vida dos israelitas e da Igreja.

Leia mais »

Jesus tem AIDS

“Deixe-me ajudá-lo a enxergar por que cuidar daqueles que têm AIDS é parte do mandato evangelístico entregue a nós na Grande Comissão.” Por Russell D. Moore.

Leia mais »