pedagogia: Todos os posts

Ensinar: uma alegre rebelião

article_57d083c1a1fdc

Onde a verdade é um construto pessoal, onde não há transcendência, onde o indivíduo deve criar o mundo, e não descobri-lo, o relativismo reina supremo. E onde o relativismo reina supremo, o conhecimento se torna uma questão de crítica constante tendendo a niilismo cínico ou meramente um instrumento para obter-se aquilo que escolhemos desejar – dinheiro, sexo e poder sendo as três categorias básicas. E o ensino é inevitavelmente prostituído para esses fins.

Leia mais »