Como ser uma namorada piedosa

por Diane Montgomery

Diane e Alex Montgomery
Diane e Alex Montgomery

Não parece que faz tanto tempo que deixei de ser uma namorada e me tornei a esposa de alguém. Será que ler todos aqueles livros e artigos sobre como ser a namorada “perfeita” foi inútil? Não mesmo! Eu aprendi muito e isso ajudou a formar as bases de quem sou como esposa, porque o namoro é um bom indicador de como o casamento será. Mas até que chegue o casamento, como você deve agir no namoro? Como você pode ser uma namorada piedosa?

1. Seja Cristocêntrica

Isto pode parecer muito básico, mas é a característica mais fundamental para ser uma boa namorada. Qualquer garota que não tenha Cristo como seu centro não será capaz de se tornar uma namorada piedosa ou de ter uma relação saudável e que honre a Deus. Ela estará em perigo de colocar o namorado como o centro de sua vida, o seu tudo, tudo dela é, honestamente, idolatria. Tudo o que vem primeiro em seu coração, antes de Cristo, é o seu deus (Dt 11.16).

O grande mandamento para os seguidores de Deus é amá-Lo com TODO o coração e alma (Dt 10.12, Mc 12.28-30). Você precisa amar primeiramente a Deus para então poder amar verdadeiramente um namorado ou marido.

[tweet link=”http://iprodigo.com/?p=5601″]Você precisa amar primeiramente a Deus para então poder amar verdadeiramente um namorado ou marido.[/tweet]

2. Seja Confiante em Cristo

Ela sabe quem é em Cristo e exatamente o que Ele sente por ela. Ela não é “fisgada” por elogios ou necessita constantemente se assegurar dos sentimentos de seu namorado. Eu tendia a me preocupar muito em um relacionamento. Na minha insegurança, me preocupava com o futuro do relacionamento, como ele se sentia, ou se ele me achava atraente. Minha confiança não vinha do Senhor, porque eu queria a aprovação de mais um cara (Jo 12.43).

Mas uma namorada piedosa anda com confiança, com um sorriso no rosto porque ela sabe que ela é filha do Rei (Pv 31.25). Ela teme ao Senhor e confia nas promessas Dele para ela (Rm 8.28).

Não me entenda mal, ouvir elogios do seu namorado ou ouvir como ele se sente é ótimo, e ele definitivamente deve expressar o cuidado dele por você, mas tome cuidado se isso trouxer mais alegria ao seu coração do que conhecer a Deus, que criou você, que te ama mais e que pensa que você é mais linda que qualquer outro homem poderia achar.

3. Seja Incentivadora

Desde que seja uma namorada piedosa e cristocêntrica, ela é capaz de incentivar o namorado em seu relacionamento com Deus. É tão simples como dizer “Ok, vamos acabar saindo mais cedo hoje porque eu preciso de tempo com Deus” ou “O que você aprendeu na igreja hoje?”

Enquanto a namorada piedosa incentiva o relacionamento do namorado com Deus, ela não o lidera nisso ou para isso. Ele já deve estar ativamente indo à igreja, não ir só porque ela começou a levá-lo. Ela é uma incentivadora, não uma mandante ou líder (1 Ts 5.11, Rm 1.12). Ele deve ter o seu próprio relacionamento crescente com Deus.

As namoradas piedosas não só incentivam a espiritualidade de seus namorados, mas também os encorajam emocionalmente (Pv 14.1; 21.7). Os rapazes precisam saber que são respeitados. Se o seu namorado consegue uma bolsa, uma promoção no trabalho, ou faz um golaço no futebol, deixe que ele saiba que está orgulhosa dele.

4. Seja ajudadora

Uma boa namorada apoia os hobbies do namorado (Fp 2.4). Os esportes são uma grande parte da vida do meu marido, então eu sabia que se eu o apoiasse significaria muito. Nem sempre tive vontade de ir, mas porque eu me importava com ele, eu ia para apoiá-lo.

Descubra os interesses do seu namorado e o apoie. Jogue videogame com ele de vez em quando. Ouça ele praticar no violão. Seja como for, mostre que você se importa com o que é importante para ele, e não apenas o que interessa a você.

5. Seja Independente

Uma namorada piedosa não só tem sua própria caminhada espiritual, mas também SUA PRÓPRIA VIDA. Ela não esquece os amigos ou família quando consegue um namorado. Ao contrário, ela os mantém próximos e arruma tempo para eles (Pv 11.14, Ec 4.9-10). Mesmo em Cânticos dos Cânticos, os amigos protegiam, encorajavam e davam suporte responsavelmente à amada amiga.

Ela não joga fora seus próprios interesses e desejos. Eu estava envolvida nos passatempos de Alex, mas mantive as coisas que amava. Ia para seus jogos e ele ia para meus torneios de tênis. Não se esqueça, seus interesses e hobbies a tornam única e especial.

Uma namorada piedosa continua buscando a vontade de Deus para sua vida. Até ficar noiva, eu não fazia com que meus planos fossem os mesmos de Alex. Eu não sabia se íamos casar e então continuei com os planos que sabia que o Senhor tinha para mim. Eu não mudei a minha licenciatura para coincidir com o seu planejamento ou começar a viver onde ele estava. Eu não planejei minha vida ao seu redor, mas em torno do que eu sabia que Deus tinha para mim naquele momento da minha vida “(Pv 3.5-6).

6. Seja Legal

Existem coisas, como fazer o jantar ou dobrar roupas que não começaram quando eu me casei. Não existiu um botão “Faça boas coisas para ele” que foi ligado automaticamente quando eu disse “Sim, aceito”. Isso vai contra minha natureza humana pecadora. Eu tive que começar a praticar de antemão.

Enquanto estávamos namorando, quando ia ao Wal-Mart, eu pegava algo que fosse necessário para o Alex. Tentei ativamente pensar nele e nas suas necessidades. Você não tem que ser uma boa cozinheira ou hábil em alguma coisa para fazer algo agradável para seu namorado. Você apenas tem que ser atenciosa (Pv 31.12).

No fim das contas: Cristo é o seu primeiro amor? Você namora caras piedosos? Você é atenciosa com seu namorado? Quando estas três coisas estão sob controle e Deus é o centro de sua vida amorosa então a estrada do namoro será muito menos acidentada. É claro que nem todo relacionamento vai acabar em casamento, mas cada um será mais saudável, honrará mais a Deus e será preenchido com muito menos arrependimento, porque Deus está no controle.

Traduzido por Josie Lima | iPródigo.com | Original aqui

Tags: ,

Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.