O disseminador e Jesus

por Jonathan Dodson

Jonathan Dodson
Jonathan Dodson

Na primeira parte desta série sobre fofoca, nós observamos a primeira face da fofoca, a murmuração, e como Jesus quer resgatar a sua igreja desses efeitos que a debilitam. Lembre-se da analogia sobre a construção com blocos quando olhamos para a segunda face da fofoca: a dispersão.

Quebrando a confiança para ganhar aceitação

O disseminador: A fofoca que quebra a confiança pela dispersão de informações confiadas a outros.

Disseminadores gostam de estar por dentro dos assuntos. A eles são dadas informações particulares e se permitem espalhar em público. Eles fazem isso não apenas em conversas, mas por e-mails, mensagens de texto, telefonemas e pelo Facebook. Por que alguém espalharia informações pessoais e confidenciais sobre outra pessoa?

Para o disseminador, possuir uma informação secreta pode ser um meio de ganhar a aceitação dos outros. A obtenção e distribuição de informações privilegiadas faz com que se sintam necessários. Os relacionamentos são superficialmente mantidos à base da fofoca. O disseminador quebra a confiança para contar informações confiadas a ele para os outros. Por quê? O disseminador busca aceitação social às custas dos outros.

Se entregando à auto-suficiência

Disseminadores muitas vezes transformam-se em destruidores, criticando e ridicularizando os outros, revelando informações que nem deveriam ter sido reveladas a eles. Ao diminuir os outros, o destruidor se sente um pouco mais justo e correto em suas decisões. Quando dispersa informações confiadas a ele, o disseminador se sente importante. O destruidor busca sua justa auto-suficiência colocando os outros abaixo de si por meio de sua fofoca maldosa.

Quem é Jesus para o disseminador?

Tanto o disseminador quanto o destruidor procuram sua aceitação fora de Jesus. Jesus é o único caminho para aceitação e amor profundos, porque ele nos possibilita receber o amor do Pai.

Jesus não usa pessoas para o seu próprio valor, ele confere seu próprio valor às pessoas.

Fofoqueiros precisam de uma aceitação e importância mais profunda do que a dispersão de informações confiadas poderiam prover. Com a finalidade de mergulhar no amor de Deus, o fofoqueiro não deve mais buscar a sua aceitação e importância fora de Jesus.

Amor e bênçãos ao invés de disseminação e críticas

Confessar nossos pecados uns aos outros e a Deus é fundamental para que  possamos nos regozijar no amor do Pai por nós. Deus chama os fofoqueiros a se afastarem dos seus próprios esforços em se tornarem aceitos e importantes e se voltarem para a aceitação no amor do Pai. O Seu amor nos liberta para amar, não fofocar; para abençoar, não para dividir.

[tweet link=”http://iprodigo.com/?p=5153″]O Seu amor nos liberta para amar, não fofocar; para abençoar, não para dividir.[/tweet]

Traduzido por Marianna Brandão | iPródigo.com | Original aqui

Tags: , , , ,

Você está autorizado e incentivado a reproduzir e distribuir este material em qualquer formato, desde que informe o autor e o tradutor, não altere o conteúdo original e não o utilize para fins comerciais.